Atualizado 10/10/2017

Com recuo de 2% na indústria, RS tem pior resultado do Brasil, segundo o IBGE

Contudo, no acumulado do ano, Estado registra avanço de 1,1%.

Foto: Divulgação / CP memória
Foto: Divulgação / CP memória

A produção industrial no Rio Grande do Sul recuou 2% em agosto, se comparado ao mesmo mês do ano anterior. O resultado, segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é o pior do Brasil.

 

O Estado vai na contramão da indústria brasileira que registrou crescimento de 4% no período. Dos 15 estados pesquisados pelo IBGE, 13 tiveram resultados positivos. Junto com o RS, apenas o Rio de Janeiro apresentou queda na produção, com recuo de 1,8%. 

 

A queda da produção industrial no Estado é devido, segundo o IBGE, ao comporamento negativo de produtos derivados do petróleo e biocombustíveis, celulose, papel e produtos de papel, produtos alimentícios e máquinas e equipamentos.

 

O Rio Grande do Sul teve resultado negativo também em comparação entre julho e agosto. A queda foi de 1,4% de um mês para o outro. Contudo, no acumuladodo ano, de janeiro a agosto, o Estado avançou 1,1%. O resultado está abaixo da produção nacional, que teve crescimento de 1,5%.

Fonte: CP
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções