Atualizado 25/04/2018

Detran/RS leva dados da Região Noroeste a audiência pública

Santo Ângelo sedia nesta quinta-feira, 26, a primeira das seis audiências no interior sobre o Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS).

Divulgação
Divulgação

A evolução da frota e do número de condutores na Região Noroeste, o mapa da acidentalidade fatal, os municípios com mais mortos no trânsito, os acidentes analisados por tipo de via, turno e dia da semana e o perfil das vítimas são algumas das informações que o Detran/RS estará divulgando nesta quinta-feira, dia 26, na audiência pública promovida pelo Conselho Estadual de Trânsito, com apoio do Departamento Municipal de Trânsito (DMT) e Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Pública de Santo Ângelo.

 

O Detran/RS estará contribuindo com sua experiência e com informações como órgão executivo de trânsito do Estado em dois momentos, apresentando os dados estatísticos e também com uma pequena palestra cujo objetivo é orientar a comunidade na implantação de atividades e ações voltadas à educação para o trânsito.

 

A audiência pública em Santo Ângelo, com início às 8 horas, tendo por local a Faculdade CNEC - Auditório Azul, é a primeira de uma série de seis que estão sendo promovidas pelo Conselho Estadual de Trânsito em cumprimento à lei federal 13.614/18, que institui o Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans), cuja meta é reduzir pelo menos à metade, em dez anos, o índice de mortes no trânsito em relação a 2018.

 

A programação do evento inclui, além da presença na abertura do prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa, do presidente do Cetran/RS, Luiz Noé Soares, e do diretor administrativo e financeiro do Detran/RS, Rodrigo Chies, fala da Polícia Rodoviária Federal e do Comando Rodoviário da Brigada Militar, órgãos responsáveis pela fiscalização direta nas rodovias; as palestras do Detran/RS e da sociedade civil, representada pela ONG Zero Acidente.

 

O grande momento e razão de ser do evento, porém, será o microfone aberto para que o próprio público presente possa se manifestar sobre o tipo de trânsito que deseja e suas sugestões sobre como alcançá-lo.

 

Além dos encontros presenciais, toda a população gaúcha pode participar acessando o hotsite Qual é o trânsito que você quer?, disponibilizado pelo Cetran/RS, com apoio do Detran/RS, pelo link: https://sites.google.com/view/pnatrans/. A ideia é que todo cidadão possa ajudar a traçar o diagnóstico do trânsito no Estado.

 

Em agosto, o Cetran/RS encaminhará esses resultados ao Conselho Nacional de Trânsito, que estabelecerá as metas para o período setembro 2018 a setembro 2019. Esse documento tem sua divulgação prevista para a Semana Nacional de Trânsito, que acontece entre 18 e 25 de setembro.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Santo Ângelo
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções