Atualizado 23/10/2018

Em súmula, árbitro cita Odair e diz que Caetano o chamou de "safado"

Tanto o técnico do Inter, quanto o diretor, cobraram o árbitro pelos supostos erros no jogo contra o Santos.

Por conta da confusão do gol anulado de Leandro Damião, durante o segundo tempo da partida entre Inter e Santos, o técnico Odair Hellmann e o diretor de futebol Rodrigo Caetano foram citados na súmula do árbitro Ricardo Marques Ribeiro. O juiz escreveu no documento que o dirigente o chamou de "safado" após o apito final, quando se encaminhava com os seus auxiliares para o vestiário.   

 

“Vocês vão parar por quê? Vocês decidiram o campeonato. Erraram feio. Seu safado, absurdo o que vocês fizeram aqui hoje", relatou o árbitro mineiro na súmula. Ribeiro ainda contou que Caetano, que estaria de muletas no momento das cobranças, o ameaçou, levantando uma delas. O árbitro cita ainda que “respondeu em alto e bom som pedindo respeito”. “Você me respeita! Respeite a minha instituição! Eu nunca faltei com respeito, eu exijo respeito. Por favor, respeito”, descreveu no documento.  

 

Questionado pela reportagem sobre o assunto, Caetano afirmou que irá se pronunciar na tarde desta terça-feira, ao lado de outros dirigentes do Inter. 

© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções